"Recria tua vida, sempre, sempre. Remove pedras e planta roseiras e faz doces. Recomeça." (Cora Coralina)

Entre, fique à vontade, compartilhe conosco... Deixe seu comentário...

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Uma broa e uma poesia....


"Vieram criticar
Que Minas não tem mar
Pro mineiro tanto faz
Se Minas não tem mar 
O mar não tem Minas Gerais

Me disseram que quando o mar
Fica agitado demais
E aquele barulho que a onda faz

É o mar chorando
Implorando, pedindo
Pra banhar Minas Gerais

Mar, não chores mais
Só eu sei o quanto é triste, mar
Ficar longe de Minas Gerais"




Receita:

4 ovos
1 copo de fubá (tipo requeijão)
1 copo de queijo ralado (canastra, meia cura)
1/2 copo de coco ralado
1 copo de açúcar
1/2 copo de óleo
1 copo de leite frio
1 colher (sopa) cheia de fermento em pó
1/2 colher (chá) de sal
3 colheres (sopa) de farinha de trigo
açúcar refinado e canela em pó para polvilhar

Bater no liquidificador os ovos, o óleo, o leite, a farinha, o açúcar e o sal. Numa tigela colocar o queijo, o coco e a farinha. Acrescentar o conteúdo do liquidificador. Misturar. Adicionar o fermento em pó. Colocar em forma de buraco no meio untada e polvilhada. Forno pré-aquecido, 180oC.
Se preferir, polvilhar com a mistura de canela e açúcar.


Um beijo,

Verônica


Texto: "Mar sem Minas Gerais"
Autor: desconhecido

8 comentários:

CamomilaRosaeAlecrim disse...

Poesia mineira com receitinha...perfeito! E que bolo lindo e alto! Amei! Já copiei!
Bjs, boa noite e que você tenha uma ótima semana e muita paz!
CamomilaRosa

Bruna Pereira disse...

Acho que nunca ia dá conta de fazer um bolo tão perfeitinho! Haha adorei seu blog :)

Graça Pereira disse...

Meu Deus, este bolo...fui buscar o meu copo de leite morno e dou de caras com esta doçura...bem que ia agora uma fatia dourada e fofa...
Já fui comprar o "lagarto" e tenho tudo para fazer para o jantar de 4ª feira que tenho cá uns amigos e queria fazer algo diferente...
Depois conto-te como correu.
Beijocas, minha querida.
Graça

Jussara Silva disse...

Adorei! Hoje em dia eu só faço bolo que bate no liquidificador. Boa semana! Bjs.

Pathy Moreira disse...

Olá!! vi seu blog no de uma amiga e passei pra conhecer!! Aqui é muito lindo, seus post são ótimos e já estou te seguindo para ficar por dentro de todas as novidades! Beijão

Te espero no TodaCharmosa(.com)


Se quizer me seguir ficarei muito feliz *-*

Sandra Gomes disse...

Nossa vc acredita que eu cheguei a sentir o cheirinho desse bolo? Caramba tá muito apetitoso.
Adorei seu blog e estou seguindo, gostaria que me visitasse e me seguisse tbm.
Beijoo.
http://beleza-facil.blogspot.com.br

Regina Fernandes disse...

Verônica menina de belo sorriso, primeiro parabéns por esse belo poema. Depois disso, um bolo bem saboroso e de belo aspecto,hummm a essa hora que estou tomando meu cafezinho ia adorar uma fatia!
Mas levo a receita comigo,você não se importa,né?rs
Seja muito bem vinda a minha cozinha,viu?
Amei a sua cozinha!!!
É um grande prazer tê-la por aqui.
Super bju. Re

Josy disse...

Olá Veronica que delicia de bolo,adoro a culinária mineira, e esse bolo é ideal para acompanhar um chá ou cafézinho, super prático e fácil de fazer. Ficou lindo. A poesia veio na hora certinha. Linda
Sinta-se a vontade para pegar a receita que quiser no meu cantinho sempre ta? Bjos e obrigada pela visita

Veja também:

Related Posts with Thumbnails